NIC.br

Ir para o conteúdo
16 SET 2019

Questões que desafiam a Web pautam discussões da Conferência Web.br 2019




Segurança, privacidade, inteligência artificial, web pervasiva, tecnologias mais eficientes, acessibilidade e dados abertos serão alguns dos temas abordados em palestras e workshops

Em sua 11ª edição, sob o tema “Nós podemos ter a Web que queremos”, a Web.br 2019 promoverá uma análise da ética em contextos da segurança, privacidade, inteligência artificial, acessibilidade, dados abertos, entre outros temas que envolvem a Web. Realizada nos dias 30 e 31 de outubro, em São Paulo, pelo Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), com apoio do Escritório Brasileiro do World Wide Web Consortium (W3C Brasil), a conferência também celebrará os 30 anos da Web, reunindo desenvolvedores, designers, pesquisadores, gestores na área de tecnologia, estudantes e entusiastas da Web em torno desse debate. 

A programação inclui um painel sobre os 30 anos da Web em que Iberê Thenório e Mariana Fulfaro (youtubers do canal Manual do Mundo), Lola Aronovich (professora da UFC e autora do blog Escreva Lola Escreva), Léo Viturinno (YouTuber Surdo e professor de Libras da UFRB), entre outros palestrantes convidados, discutirão a evolução da Web, seu impacto social e ético como ferramenta de negócios e de publicação de conteúdo. 

“Nesses 30 anos, a Web não parou de se renovar. Novas tecnologias e desafios surgiram ao longo desse período, e por isso é essencial reunir a comunidade para dialogar sobre como preservá-la e dar continuidade a seu desenvolvimento de forma ética e inclusiva”, destaca Vagner Diniz, gerente do Ceweb.br/NIC.br e do W3C Brasil.  

Na palestra Design, Ética e IA: e nós com isso?”, Diogo Cortiz (pesquisador do Ceweb.br/NIC.br e professor da PUC-SP) e Jonice Oliveira (coordenadora de programa de pós-graduação da UFRJ) apresentarão técnicas de design para construção de sistemas de inteligência artificial com ética e transparência. 

Boas práticas envolvendo software analytics e como essa técnica se encaixa dentro de um processo de desenvolvimento, em especial de aplicações web, será o tema da apresentação de Eduardo Guerra (pesquisador do INPE). Também no evento, Andrzej Mazur (fundador da Enclave Games) analisará o passado, presente e o futuro do desenvolvimento de jogos em HTML5, explorando as tendências atuais no desenvolvimento de jogos para a Web. 

Workshops
A Web.br 2019 terá um dia dedicado à realização de atividades práticas. Na área de segurança, Daniel Carlier e Silvia Pimpão (equipe de segurança da Globo.com) desafiarão os participantes do evento a corrigir aplicações web propositalmente vulneráveis, enquanto Nathalia Sautchuk (da assessoria técnica ao CGI.br) explicará como incorporar a criptografia no dia a dia de forma a garantir uma navegação mais segura. 

Ainda na grade de workshops, Natalí Garcia (service design lead no Torq Inovação) abordará a aplicação da metodologia de design thinking em tempos de inteligência artificial, e Jefferson Oliveira (pesquisador do Ceweb.br/NIC.br e professor da PUC-SP) apresentará um tutorial sobre como desenvolver chatbots usando python e processamento de linguagem natural

Simone Freire (CEO da Espiral Interativa e idealizadora do Movimento Web para Todos), Carlos Rafael Neves (professor na ESPM), Maria Rita Casagrande (Full Stack Developer e Líder de Conteúdo na Mesa Company), Dhanielly Rodrigues (cofundadora dos Super Easy Lean), Cid Torquato (Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência na Prefeitura Municipal de São Paulo) e Ronaldo Tenório (CEO da Hand Talk) também são nomes já confirmados para o evento. Confira a programação completa e adquira seu ingresso: https://conferenciaweb.w3c.br/. 

Pela primeira vez, será possível participar de um ou dos dois dias do evento, com valores específicos para cada data, e os interessados também poderão adquirir ingresso para acompanhar a transmissão on-line, pelo canal do NIC.br no YouTube. 

Anote na Agenda
Conferência Web.br 2019 - "Nós podemos ter a Web que queremos!"

Datas: 30 e 31 de outubro (quarta e quinta-feira)
Horário: a partir das 9h
Local: Centro de Convenções Rebouças.
Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 23 - São Paulo – SP
Ingressos: https://conferenciaweb.w3c.br/. Vagas limitadas.

Sobre o Ceweb.br
O Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br), do NIC.br, tem como missão disseminar e promover o uso de tecnologias abertas na Web, fomentar e impulsionar a sua evolução no Brasil por meio de estudos, pesquisas e experimentações de novas tecnologias. No escopo de atividades desenvolvidas pelo Centro, destacam-se o estímulo às discussões sobre o ecossistema da Web e a preparação de subsídios técnicos à elaboração de políticas públicas que fomentem esse ecossistema como meio de inovação social e prestação de serviços. Mais informações em http://www.ceweb.br/.

Sobre o Escritório Brasileiro do W3C
Por deliberação do CGI.br, o NIC.br agrega as atividades do escritório do W3C no Brasil - o primeiro na América do Sul. O W3C é um consórcio internacional que tem como missão conduzir a Web ao seu potencial máximo, criando padrões e diretrizes que garantam sua evolução permanente. Mais de 80 padrões foram já publicados, entre eles HTML, XML, XHTML e CSS. O W3C no Brasil reforça os objetivos globais de uma Web para todos, em qualquer dispositivo, baseada no conhecimento, com segurança e responsabilidade. Mais informações em: http://www.w3c.br/.

Sobre o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR – NIC.br
O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR — NIC.br (http://www.nic.br/) é uma entidade civil, de direito privado e sem fins de lucro, que além de implementar as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil, tem entre suas atribuições: coordenar o registro de nomes de domínio — Registro.br (http://www.registro.br/), estudar, responder e tratar incidentes de segurança no Brasil — CERT.br (http://www.cert.br/), estudar e pesquisar tecnologias de redes e operações — Ceptro.br (http://www.ceptro.br/), produzir indicadores sobre as tecnologias da informação e da comunicação — Cetic.br (http://www.cetic.br/), implementar e operar os Pontos de Troca de Tráfego — IX.br (http://ix.br/), viabilizar a participação da comunidade brasileira no desenvolvimento global da Web e subsidiar a formulação de políticas públicas — Ceweb.br (http://www.ceweb.br), e abrigar o escritório do W3C no Brasil (http://www.w3c.br/). 

Sobre o Comitê Gestor da Internet no Brasil – CGI.br
O Comitê Gestor da Internet no Brasil, responsável por estabelecer diretrizes estratégicas relacionadas ao uso e desenvolvimento da Internet no Brasil, coordena e integra todas as iniciativas de serviços Internet no País, promovendo a qualidade técnica, a inovação e a disseminação dos serviços ofertados. Com base nos princípios do multissetorialismo e transparência, o CGI.br representa um modelo de governança da Internet democrático, elogiado internacionalmente, em que todos os setores da sociedade são partícipes de forma equânime de suas decisões. Uma de suas formulações são os 10 Princípios para a Governança e Uso da Internet (http://www.cgi.br/principios). Mais informações em http://www.cgi.br/.

Contatos para a Imprensa: 

Weber Shandwick
http://www.webershandwick.com.br/
PABX: (11) 3027-0200 / 3531-4950
Carolina Boccardo - cboccardo@webershandwick.com 
- (11) 3531-4968
Ana Jones - ana.jones@webershandwick.com - (11) 3027-0200 ramal: 312 

Assessoria de Comunicação – NIC.br
Caroline D’Avo – Gerente de Comunicação – caroline@nic.br
Carolina Carvalho – Coordenadora de Comunicação – carolcarvalho@nic.br
Soraia Marino – Assistente de Comunicação – soraia@nic.br 

Flickr: http://www.flickr.com/NICbr/
Twitter: http://www.twitter.com/comuNICbr/
YouTube: http://www.youtube.com/nicbrvideos
Facebook: www.facebook.com/nic.br
Telegram: www.telegram.me/nicbr
LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/nic-br/
Instagram: https://www.instagram.com/nicbr/