NIC.br

Ir para o conteúdo
23 NOV 2018

NIC.br lança guia que detalha cuidados necessários para uso do comércio eletrônico




Pesquisa sobre reputação das lojas on-line e leitura dos termos de uso e políticas de privacidade são algumas orientações no Guia #Internet com Responsa Vai às Compras

Com o comércio eletrônico em alta a partir das ofertas da Black Friday e compras de final de ano, o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) lança nesta sexta-feira (23) o Guia #Internet com Responsa Vai às Compras. Disponível gratuitamente para download, a publicação detalha os cuidados necessários para realizar compras na Internet de forma responsável – entre eles, checar os dados e reputação das lojas on-line antes de realizar as compras e ler cuidadosamente os termos de uso e políticas de privacidade–, além de enfatizar a importância de exercer direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor (o Direito ao Arrependimento é um deles) e, em casos de problemas, acionar órgãos de defesa do consumidor, a exemplo da Fundação Procon.

No Brasil 35% dos usuários de Internet compraram produtos e serviços on-line, o que representa 42,7 milhões de pessoas, de acordo com a pesquisa TIC Domicílios 2017 do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), NIC.br. "O Guia '#Internet com Responsa Vai às Compras', no intuito de evitar que usuários sejam vítimas de golpes ou fraudes, busca alertar tanto aqueles que já realizam compras on-line, como também instruir os que nunca usaram o comércio eletrônico por receio ou insegurança", explica Kelli Angelini, Gerente da Assessoria Jurídica do NIC.br e uma das autoras do Guia.

A publicação reforça, por exemplo, que a leitura dos termos de uso e política de privacidade é de extrema importância para que os usuários conheçam as regras da empresa. "Precisamos entender o que aquela empresa fará com nossos dados. Além disso, com essa leitura cuidadosa, o usuário também pode avaliar a credibilidade e transparência do negócio", ressalta Karolyne Utomi, coautora do Guia.

Os leitores encontrarão uma lista com as principais recomendações antes de prosseguir com uma compra. O material enfatiza ainda a importância de utilizar dispositivos seguros antes de qualquer ação na Internet, principalmente aquelas que envolvem dados pessoais e financeiros, e recomenda a leitura do fascículo Comércio Eletrônico, do Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT.br), do NIC.br.

Os materiais educativos produzidos pelo NIC.br são para os mais diferentes públicos – crianças; adolescentes; pais e responsáveis; pessoas acima de 60 anos; educadores; técnicos – e de interesse geral, e estão todos disponíveis gratuitamente para download no portal Internet Segura: http://internetsegura.br/

Sobre o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR – NIC.br

O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR — NIC.br (http://www.nic.br/) é uma entidade civil, de direito privado e sem fins de lucro, que além de implementar as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil, tem entre suas atribuições: coordenar o registro de nomes de domínio — Registro.br (http://www.registro.br/), estudar, responder e tratar incidentes de segurança no Brasil — CERT.br (http://www.cert.br/), estudar e pesquisar tecnologias de redes e operações — Ceptro.br (http://www.ceptro.br/), produzir indicadores sobre as tecnologias da informação e da comunicação — Cetic.br (http://www.cetic.br/), implementar e operar os Pontos de Troca de Tráfego — IX.br (http://ix.br/), viabilizar a participação da comunidade brasileira no desenvolvimento global da Web e subsidiar a formulação de políticas públicas — Ceweb.br (http://www.ceweb.br), e abrigar o escritório do W3C no Brasil (http://www.w3c.br/).

Sobre o Comitê Gestor da Internet no Brasil – CGI.br

O Comitê Gestor da Internet no Brasil, responsável por estabelecer diretrizes estratégicas relacionadas ao uso e desenvolvimento da Internet no Brasil, coordena e integra todas as iniciativas de serviços Internet no País, promovendo a qualidade técnica, a inovação e a disseminação dos serviços ofertados. Com base nos princípios do multissetorialismo e transparência, o CGI.br representa um modelo de governança da Internet democrático, elogiado internacionalmente, em que todos os setores da sociedade são partícipes de forma equânime de suas decisões. Uma de suas formulações são os 10 Princípios para a Governança e Uso da Internet (http://www.cgi.br/principios). Mais informações em http://www.cgi.br/.

Contatos para a Imprensa:

Weber Shandwick
http://www.webershandwick.com.br/
PABX: (11) 3027-0200 / 3531-4950
Carolina Carvalho - ccarvalho@webershandwick.com - (11) 3027-0226
Ana Jones - ana.jones@webershandwick.com - (11) 3027-0200 ramal: 312

Assessoria de Comunicação – NIC.br
Caroline D’Avo
– Gerente de Comunicação – caroline@nic.br
Everton Teles Rodrigues
– Coordenador de Comunicação – everton@nic.br
Soraia Marino
– Assistente de Comunicação – soraia@nic.br

Flickr:
http://www.flickr.com/NICbr/
Twitter:
http://www.twitter.com/comuNICbr/
YouTube:
http://www.youtube.com/nicbrvideos
Facebook:
www.facebook.com/nic.br
Telegram: 
www.telegram.me/nicbr